(19) 2222-0306 / 99127-7280

Notícias

Você sabe como escolher corretamente uma lâmpada LED?

10/09/2018 Solução mais eficiente para iluminação de ambiente comum e de diversos tipos. São as lâmpadas de Diodo Emissor de Luz – LED, encontradas com abundância no mercado. E como escolher corretamente uma lâmpada LED no momento da compra.

Se for analisar considerando apenas o PREÇO e POTÊNCIA (W) como uma relação “custo-benefício” comparando o que gastou monetariamente e o que teve como troca disso, substituindo tipos de lâmpadas. Então, a compra não foi suficientemente analisada com o propósito em eficiência energética mas, por impulso.

Uma lâmpada adquirida deve compor uma eficiência luminosa (lumens por watt [lm/W] um tanto satisfatório. E como medir?

Para a medição, a relação é, quanto menor a potência (W), buscando maior fluxo luminoso (lm), maior será a eficiência luminosa (lm/W).

Portanto, a partir de agora pense em PREÇO (R$) e EFICIÊNCIA LUMINOSA (lm/W), como custo benefício assertivamente [Ver selo PROCEL com certificação INMETRO] assim, você estará fazendo economia na aquisição (R$), no consumo de energia elétrica (kWh) e mais ainda, estará ganhando LUZ suficiente para o seu ambiente. O restante, é a gosto do cliente!

Ah! E lembre-se, o Fator de Potência (FP) da lâmpada deverá ser sempre maior ou igual a 0,92 ou o mais próximo possível. O FP referenciando “>0,5” é puramente técnica de marketing. Caso contrário, as vantagens obtidas e de todos estará indo por água abaixo ao longo prazo, por investimento não postergado pela distribuidora, transmissora e geradora de energia, que será diluído na conta de energia. Mas isso, discutiremos em outro momento.

Fonte: GMO ENERGIA - Gestão & Negócio